Notícias
Ziulkoski é reeleito presidente da CNM para o triênio 2015-2018, com mais de 98% dos votos
Publicado em: 07/04/2015
Encerrou nesta segunda-feira, 30 de março, o processo eleitoral da Confederação Nacional de Municípios (CNM). A vencedora foi a Chapa CNM Independente, com 1582 de um total de 1608 votantes. A Chapa Independente recebeu 98.38% do total de votos. O grupo irá assumir a entidade para o triênio 2015-2018. Paulo Ziulkoski, ex-prefeito de Mariana Pimentel (RS), permanece como presidente da Confederação.


O  pleito teve início nesta manhã do dia 30 e contou com a participação de gestores municipais de todo o país. Alguns estiveram presentes na sede da CNM para votar pessoalmente. Já outros, preferiram registrar o voto online.


Como resultado, foram eleitos representantes para o Conselho Diretor, o Conselho Fiscal e o Conselho de Representantes Regionais da entidade. No Conselho Diretor estão inclusos os vice-presidentes, secretários e tesoureiros.


Conselho Diretor


Para 1.º vice-presidente foi eleito o ex-prefeito de Saldanha Marinho (RS) Glademir Aroldi. Para 2.º vice-presidente está Luiz Lázaro Sorvos, prefeito de Nova Olímpia (PR). Jorge Silva Dantas, prefeito de Pão de Açúcar (AL) é o 3.º vice-presidente. O 4.º é Francisco José Júnior, prefeito de Mossoró (RN).


O prefeito de Cumaru (PE), Eduardo Gonçalves Tabosa, foi eleito como o 1.º secretário. Como 2.º secretário está o prefeito de Jequiá da Praia (AL), Marcelo Beltrão. Ainda como parte do Conselho estão: o prefeito de Taió (SC), Hugo Lembeck para 1.º tesoureiro e o prefeito de Juscimeira (MT) como seu suplente, Valdecir Luiz Colle.

CNM